Newsroom

OCDE lança Índice para uma Vida melhor no Brasil ao lado de Pelé e às vésperas do pontapé inicial da Copa do Mundo

 

09/06/2014 - Hoje, a OCDE lança no Brasil, e na presença da lenda do futebol Pelé, o Índice para uma Vida Melhor totalmente em português. Este é o sexto idioma em que o site está disponível e a tradução permite que a OCDE alcance mais de 240 milhões de falantes de português ao redor do mundo.

 

Sobre o lançamento em São Paulo, organizado pela OCDE e pela FGV Projetos, Pelé disse: "Com o Índice para uma Vida Melhor da OCDE podemos transformar o Jogo Bonito em uma Vida Bonita."

  Presentation of the Better Life Index in Brazil

 

O Índice para uma Vida Melhor convida os cidadãos a criarem seus próprios índices de bem-estar com base em onze quesitos que impactam diretamente suas vidas: moradia, renda, trabalho, comunidade, educação, meio ambiente, engajamento cívico, saúde, satisfação pessoal, segurança e equilíbrio entre vida particular e trabalho. Depois, ainda é possível comparar como se saem os países de acordo com essas avaliações pessoais.

 

Outra novidade é que agora os visitantes do site podem descobrir o que mais de 65 mil pessoas de todo mundo acreditam ser o mais importante para suas vidas. Por meio de um mapa interativo atualizado em tempo real, é possível ver quais são as prioridades de cada país, divididas por sexo e idade, e comparar essas informações. Enquanto no topo da lista dos usuários brasileiros, por exemplo, está a educação, os portugueses colocam a satisfação pessoal em primeiro lugar.

 



Responses Portuguese version

 

Em 2013, o lançamento da plataforma em espanhol (www.ocdeindicevidamejor.org) aumentou consideravelmente a participação de países de língua espanhola, como Argentina, Colômbia, Costa Rica, México e Espanha. Antes disso, a versão em alemão também estimulou o engajamento dos germânicos, resultando em mais dois mil índices compartilhados em apenas uma semana (haviam sido três mil em dois anos).

 

O Índice para uma vida Melhor faz parte de uma iniciativa da OCDE que mede e analisa a qualidade de vida das pessoas por meio de conjunto de indicadores de bem-estar regularmente atualizados. O Índice agora está disponível em seis línguas (inglês, francês, alemão, espanhol, russo e português) e pode ser incorporado em sites e blogs. Até hoje, mais de quatro milhões de pessoas de 184 países expressaram suas opiniões sobre o que, de fato, é mais importante em suas vidas.

 

Sobre o Índice

 

Baseado na pesquisa de bem-estar da OCDE, o Índice Para Uma Vida Melhor convida você a descobrir o que é mais importa nos 34 países-membro da OCDE, mais Brasil e Rússia, e ir além disso; ele é uma ferramenta interativa por meio da qual você pode listar suas próprias prioridades. Também é possível comparar as desigualdades de bem-estar entre homens e mulheres.

 

O Índice Para Uma Vida Melhor foi lançado em 2011 e incluiu os 34 países-membro da OCDE. No ano seguinte, dois parceiros-chave, Brasil e Rússia, foram integrados.

 

Mais detalhes sobre os resultados da iniciativa, podem ser encontrados aqui.

 

Fundação Getulio Vargas

 

O lançamento do Índice Para Uma Vida Melhor em português se tornou possível por causa da Fundação Getulio Vargas. Para mais informações sobre o assunto, fale com Melina Bandeira (melina.bandeira@fgv.br), na FGV Projetos.

 

Links

 

Tutorial em português:

O Índice Para Uma Vida Melhor da OCDE 

 

 

 

 

 

 

Related Documents